Tags

, ,


Sete plaquetas de barro escondem um dos maiores enigmas da humanidade: o segredo da escrita

Sobre a Obra:

Uruk, Mesopotâmia, 3000 a. C. Séculos antes do famoso Gilgamesh, uma bela mulher aparece a comandar os destinos da maior cidade do mundo.
Sete extraordinárias plaquetas de barro cozido sugerem a sua história: a inteligência, a coragem, o poder de sedução que a conduzem ao poder vencendo todas as adversidades; a luta contra a corrupção dos sacerdotes de Inanna; a vitória sobre os invasores amorritas; e finalmente o dia em que embarca para o reino das trevas, vitimada pela pestilência, após inundações que cobriram a terra como após um dilúvio bíblico…

As plaquetas chegam-nos assinadas por Zamug, o Coxo, que abandonou a cidade maldita levando consigo os ensinamentos de Nisaba, ou seja, o segredo da escrita.

Sobre o Autor:

Sebastião Alves