Tags

, ,


A descoberta e a aceitação do sagrado feminino e do seu poder

Sobre a Obra:

Existe uma antiga tradição húngara em que, quando uma jovem se casa, as velhas tentam distrair o noivo antes de ele chegar ao quarto nupcial. E a arma delas é a dança. Quando as mulheres que correm com os lobos atingem a maturidade, chega o momento da dança das avós. Viver plenamente, desenvolver a visão interior, ouvir a intuição é a mensagem destas anciãs que nada detém. Elas são uma fonte inesgotável de força e transmitem incansavelmente um tesouro de sabedoria.

«Mostrar maturidade na juventude e ser jovem na velhice» é a mensagem de Clarissa Pinkola Estés.

Com uma linguagem mágica e poética, a grande contadora de histórias aborda a força de vontade e o poder irreprimíveis que as mulheres desenvolvem em anos mais maduros e que ganham vida nos mitos e lendas.

Da autora de Mulheres que Correm com Lobos, uma obra sobre o sagrado feminino e o seu poder.

Sobre o Autor:

Clarissa Pinkola Estés é uma poetisa galardoada e reconhecida internacionalmente, diplomada em psicanálise junguiana e cantadora (guardiã de histórias antigas) segundo a tradição latino-americana.

Pratica clínica privada há mais de 25 anos e foi diretora executiva do C.G Jung Center for Research and Education nos Estados Unidos.

Autora de The Gift of Story e de uma série de 11 volumes de trabalhos áudio de reconhecido sucesso publicados pela Sounds True, em Boulder, Colorado.

A Doutora Estés dirige atualmente a Fundação C.P. Estés Guadalupe Foundation, uma organização de direitos humanos que tem como uma das suas missões primordiais a difusão de histórias animadoras via rádio por onda curta a pontos de conflito por esse mundo fora.