Tags

, ,


Sobre a Obra:

Uma nova voz fresca e provocadora na narrativa portuguesa que destrói algumas mentiras que nos andam a contar sobre o amor e a capacidade de amar num mundo em que tudo é frágil e efémero.

Esquece tudo o que te têm dito sobre o Amor. Eles não sabem o que dizem. Devo gostar de mim, sim, mas antes e mais do que tudo? Não. Se eu não gostar de mim ninguém gostará? Treta. As mulheres são espectaculares, mas nunca vamos perceber como funcionam? Disparate. O Amor requer coragem e um grande coração? Sim. Mas já sabemos que não há almoços grátis. Francisco Sexto Sentido vai guiar-te na viagem mais importante da tua vida: o Amor. Preparado?

«É verdade, amo-te mais do que a mim mesmo. Não sei muito bem qual é a utilidade de vir ao mundo para me amar a mim em primeiro lugar. Sinceramente, acho que é uma actividade bastante desinteressante. Já me conheço. Estou aqui neste corpo e nesta cabeça desde que nasci.»

Sobre o Autor:

Sou o Francisco Sexto Sentido. Atrevo-me a dizer que vim para ser diferente e para dizer o que se calhar nunca ouviste de outra boca. O Amor anda a ser maltratado e eu quero mostrá-lo tal como é: maravilhoso. Detesto mitos. É tempo de reescrever tudo e não ter medo de nada. Sim, as mulheres podem ser compreendidas. Sim, devemos amar demasiado. Não, não é possível ser feliz sozinho. Gosto de dizer que Loucura é o meu nome do meio e que te encontrei entre 7 biliões de pessoas. No fundo, só quero fazer-te acreditar que se calhar tudo o que ouviste até agora sobre o Amor era mentira. Deixas-me tentar?